Folha Vitória Zagueiro do Real Noroeste é detido e deixa estádio algemado em jogo da Série D

Zagueiro do Real Noroeste é detido e deixa estádio algemado em jogo da Série D

Após o fim do clássico capixaba contra o Nova Venécia, Vinícius Leandro foi reclamar com a arbitragem e teria desacatado os policiais que faziam a segurança da partida

Folha Vitória
Foto: Reprodução/Leitor WhatsApp

Após o apito final no grande clássico capixaba da décima rodada do Brasileirão Série D, que terminou com vitória do Nova Venécia por 2 a 1 no Zenor Pedrosa Rocha, uma confusão ainda no gramado do jogo terminou com a detenção do zagueiro do Real Noroeste, Vinícius Leandro neste domingo (19).

O jogador do Real Noroeste deixou o campo algemado pelos policiais militares que faziam a segurança da partida. Ao final do jogo, o zagueiro foi questionar a arbitragem por conta das polêmicas dentro de campo. No entanto, acabou detido por desacatar a PM.

Leia também: Com golaço de bicicleta, Nova Venécia vence Real Noroeste e segue líder na Série D

No intervalo de partida, o trio de árbitros já havia sido bastante questionado pelo lado dos visitantes, que foram para o vestiário em desvantagem por 1 a 0. No fim da primeira etapa, o goleiro merengue Weide foi expulso, o que teria sido o principal motivo para o início da reclamação.

Foto: Thiago Félix

O presidente do Real Noroeste, Flaris Olímpio da Rocha, chegou a invadir o campo de jogo e foi contido pelos atletas, inclusive pelo próprio Vinícius Leandro. Na etapa final o Real chegou a igualar o placar, mas sofreu o gol da derrota nos minutos finais.

Em contato com a reportagem, Flaris afirmou que "o clube vai apurar as imagens e tomar as devidas providências". Além dele, a equipe jurídica do time deverá emitir nota sobre o caso. 

Em nota, a Polícia Militar informou que uma equipe realizava escolta de proteção ao grupo de arbitragem na saída do jogo, devido ao ânimo exaltado dos jogadores, quando um deles, muito nervoso, tentou furar o bloqueio para brigar com outro jogador, sendo impedido pelos militares que exigiram que ele se retirasse do local. 

"No entanto, ao se retirar, o homem proferiu xingamentos e desrespeitou os policiais, que deram voz de prisão. O jogador resistiu à ação policial, incitando outras pessoas para impedir sua condução, se fazendo necessário o uso progressivo de força para contê-lo. O homem foi encaminhado à Delegacia Regional, onde confirmou ter tido uma atitude indevida e se desculpou com a equipe. Ele assinou um Termo Circunstanciado e foi liberado", disse.

SÉRIE D

O resultado deixou o Nova Venécia na liderança do grupo 6 da Série D 2022 com 19 pontos e bem próximo da pontuação média que as equipes precisam para avançar à segunda fase da competição. 

Por outro lado, o Real Noroeste chegou ao sétimo jogo seguido sem vitória, contando também jogos da Copa Espírito Santo, caiu para a quarta posição do grupo e vê a vaga no G4 ser ameaçada.

Últimas