Mãe e filha morrem carbonizadas após casa pegar fogo no interior

Mãe e filha, de 89 e 54 anos, morreram carbonizadas na noite de domingo (22), após um incêndio consumir a casa em que elas moravam com a família no município de Tapurah (443 km a Médio-Norte de Cuiabá). Dois netos das vítimas conseguiram fugir.

De acordo com as informações da Polícia Militar, as 4 vítimas estavam em casa quando ficaram sem luz. Uma das crianças, que não teve a idade registrada, ascendeu uma vela com um isqueiro e deixou ao lado do colchão, que acabou pegando fogo. 

Leia também - MP investiga Inac por fraudes em exames e Unimed rompe contrato

Uma das vítimas relatou que conseguiu fugir pulando pela janela e que não sabe como o irmão saiu de dentro da casa. Ele correu para chamar por vizinhos, mas o fogo se alastrou e tomou conta da casa. 

Brigadistas conseguiram controlar o fogo horas depois e encontraram, em um dos cômodos, os corpos de Maria Francisca de Mello Batista, 89 e sua filha, Terezinha Batista, 54. Elas estavam cuidado dos netos no momento do incêndio, já que a filha de Terezinha trabalha de noite. 

As crianças foram encaminhadas para uma unidade de saúde, onde receberam atendimento médico e foram liberadas em seguida. Uma delas chegou a relatar que as vítimas ainda tentaram sair de casa para pegar a mangueira, mas sem sucesso.

Polícia Civil foi acionada e isolou o local para os trabalhos da perícia. Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Lucas do Rio Verde.