Polícia investiga se corpo localizado é de menor desaparecido em MT

Corpo encontrado em estado de decomposição, na noite de domingo (22), em uma fazenda do município de Campo Novo do Parecis (396 km a Noroeste de Cuiabá), pode ser de um adolescente de 16 anos dado como desaparecido desde  16 de setembro.

De acordo com o boletim de ocorrência, um morador do local foi quem procurou a Polícia Militar. Ele relatou que havia um forte cheiro na região e que, ao entrar na mata, acabou encontrando o corpo já em estado de decomposição.

Polícia Civil e Perícia Oficial foram acionadas e conseguiram identificar duas tatuagens no corpo do rapaz, que estava sem documentação. Peritos acreditam que o corpo esteja no local há mais de uma semana.

Leia também - Jovem morre com dois tiros depois de festa em Campo Novo do Parecis

E, ao que tudo indica, a vítima é um adolescente de 16 anos dado como desaparecido no último dia 16. A família dele, que é de Diamantino, comunicou à polícia que o menor saiu de casa no dia 12 de setembro com destino a Campo Novo do Parecis.

No dia 16, ele teria ligado para mãe e relatado que estava sendo ameaçado de morte. Depois disso, não atendeu mais as ligações. Dias depois recebeu uma nova ligação afirmando que ele estava morto.

Apesar de menor, o rapaz tem uma ficha longa na polícia de Diamantino. Fatos que levam a crer que se trata do rapaz são as tatuagens. Exame de DNA vai comprovar a identidade da vítima.