Guia gratuito orienta população de periferias contra o coronavírus

O documento está disponível para download e ajuda a população das favelas, comunidades e periferias de todo o país a se proteger e combater o vírus

Guia orienta população periférica a se proteger do coronavírus

Guia orienta população periférica a se proteger do coronavírus

Reprodução/ AMFaC-RJ e SBMFC

Em tempos de pandemia provocada pelo coronavírus, todas as pessoas precisam ser protegidas, independentemente dos recursos que tenham à disposição.

Com o objetivo de orientar a população das comunidades e periferias de todos o país, o Grupo de Trabalho de Saúde da População Negra da Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade (SBMFC) e Associação de Medicina de Família e Comunidade do Rio de Janeiro (AMFaC-RJ) criaram um guia com orientações básicas para a prevenção, o combate e a forma de lidar com a rotina alterada em dias de quarentena.

As recomendações foram pensadas especificamente para o público que mora em comunidades e periferias e que muitas vezes não têm acesso a serviços especializados de antedimento de saúde, mas servem como uma cartilha básica de boas práticas para toda a população.

O guia pode ser baixado gratuitamente aqui. Dentre as recomendações, o documento traz dicas de como lavar as mãos de maneira apropriada, o que usar e não usar para isso e como lidar com a limpeza da casa para manter o vírus afastado e/ou sob controle.

Por exemplo, na ausência de álcool em gel, lavar as mãos com sabão, sabonete, xampu ou detergente, por cerca de 20 segundos, é eficiente para matar o vírus. Já o uso de outras substâncias, como vinagre, água sanitária ou gasolina não são recomendados para fazer a higiene das mãos, pois podem provocar graves danos à pele.

A publicação também dá dicas para os trabalhadores que não têm emprego formal e que precisam continuar saindo de casa, pegando transporte público ou atendendo, por exemplo, com mototáxi.

Dentre outras recomendações, o guia mostra como lidar caso haja um paciente de coronavírus em casa e o que fazer para evitar que a doença seja transmitida para outros moradores.

O uso de máscaras também é abordado pelo guia: para as pessoas que não estão com coronavírus nem com suspeita, usar a máscara não é recomendado, além de ser um gasto a mais e desnecessário. Vale deixar o material para usar apenas quando em contato com um doente em casa.

Máscaras comuns também não funcionam, o recomendado é usar as máscaras cirúrgicas comuns, que devem ser descartadas após o uso ou quando estiverem úmidas.