Homem é preso suspeito de matar ex-companheira na Paraíba

Uma mulher de 22 anos foi morta a facadas, no fim da

Uma mulher de 22 anos foi morta a facadas, no fim da manhã desta quarta-feira (9), em Solânea, no Brejo da Paraíba. Segundo a polícia, ela foi vítima de feminicídio, assassinada pelo ex-marido, que não aceitava a separação. O homem, de 30 anos, foi preso.

Leia também:

Operação contra tráfico de drogas cumpre mandados na Paraíba

O delegado Ricardo Sena explicou à TV Correio que a mulher estava no emprego, em uma casa onde trabalhava como doméstica, quando foi chamada pelo ex-marido, que a convenceu de que iria tratar sobre a guarda do filho. Ao recebê-lo na garagem da residência, ele a atacou com facadas.

A polícia foi acionada, mas o suspeito fugiu do local. Ele acabou preso logo depois ao ser achado na casa de parentes. Na delegacia, o homem se negou a prestar depoimento e permaneceu calado. O delegado apurou que ele estava insatisfeito porque a ex-companheira viajou no feriadão de 7 de Setembro.

O casal teve um relacionamento de oito anos, um filho de sete e estava separado há três meses.