Cidades Instituições de ensino superior divergem sobre funcionamento no ‘feriadão’ estadual

Instituições de ensino superior divergem sobre funcionamento no ‘feriadão’ estadual

As quatro instituições públicas de ensino superior da Paraíba estão divididas sobre o funcionamento durante o “feriadão” decretado pelo governo estadual. De acordo com a Medida Provisória (MP) tomada para conter a propagação da Covid-19, foi decretado feriado excepcionalmente no dia 29 de março e para o período de 30 de março a 1º de […]

Portal Correio
Universidade Federal de Campina Grande (Foto: Bruno Araújo/Creative Commons)

As quatro instituições públicas de ensino superior da Paraíba estão divididas sobre o funcionamento durante o “feriadão” decretado pelo governo estadual. De acordo com a Medida Provisória (MP) tomada para conter a propagação da Covid-19, foi decretado feriado excepcionalmente no dia 29 de março e para o período de 30 de março a 1º de abril, houve a antecipação de três feriados (Tiradentes, Corpus Christi e Fundação da Paraíba).

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) chegou a divulgar que teria expediente normal, mas depois afirmou que suspendeu as atividades.

“A Reitoria da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) esclarece à comunidade universitária que, em observância ao Decreto 41.120/2021, publicado no fim da tarde de 26/03/2021 pelo Governo do Estado da Paraíba, suspendemos todas as aulas no período de 27 de março a 04 de abril de 2021. As atividades administrativas serão realizadas remotamente, consonante com a Instrução Normativa SGP/SEDGG/ME No 37/2021. Portanto, todos os campi da UFPB estarão fechados no período citado”, informou a instituição.

A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) manterá as aulas. De acordo com a assessoria de comunicação da instituição, as atividades acadêmicas estão sendo realizadas a distância e que a universidade, assim como a UFPB, seguirá o calendário federal de feriados.

Já a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e o Instituto Federal da Paraíba (IFPB) afirmaram que as atividades acadêmicas serão suspensas de 29 de março a 1º de abril, respeitando a MP editada pelo governo estadual. O IFPB reforçou que, com a antecipação dos feriados, o expedientes nos dias 21 de abril, 3 de junho e 5 de agosto será normal. Já a UEPB, que está realizando atividades de forma remota, destacou que “como se trata de criação e antecipação de feriados, não haverá prejuízo algum à programação do semestre letivo na instituição”.

Últimas