Cidades Mais um treinador desiste de comandar time do Campinense

Mais um treinador desiste de comandar time do Campinense

Em pouco mais de um mês, o Campinense trocou de treinador quatro

Portal Correio

Em pouco mais de um mês, o Campinense trocou de treinador quatro vezes. Depois da saída de Oliveira Canindé, o elenco rubro-negro seria comandado por Ruy Scarpino, que nem chegou a assumir. Com isso, o clube anunciou Evandro Guimarães, que ficou duas semanas na Toca da Raposa, e deixou o clube nesta quarta-feira (15). O auxiliar técnico Hélio Cabral deve comandar o time por enquanto.

O Campinense usou suas mídias sociais para informar a saída de Evandro Guimarães. Segundo a diretoria rubro-negra, “o técnico procurou a diretoria nessa terça-feira (14) e comunicou o pedido de desligamento do comando técnico da equipe por problemas particulares”.

Garante o comunicado divulgado pela diretoria rubro-negra, para justificar mais uma mudança na comissão técnica, que “o Campinense compreendeu e aceitou os motivos colocados pelo treinador, tendo ficado acertada a desvinculação”. Além do treinador Evandro Guimarães, o seu auxiliar João Paulo também deixou o Campinense.

Com as saídas de Evandro Guimarães e João Paulo, o elenco do Campinense passa a ser comandado por Hélio Cabral, que também faz parte da comissão técnica do Campinense, como assistente técnico permanente. Hélio Cabral tem a chance de comandar o time rubro-negro na partida desta quinta-feira (16), pela oitava rodada do Campeonato Paraibano.

“Pessoal, venho agradecer imensamente a diretoria do Campinense. Quero dizer que não houve nada de anormal. Sempre existiu uma relação boa e agradável. Fui muito bem tratado aqui. Quem sabe, em outro momento, possamos nos encontrar para fazer um bom trabalho”, afirmou o treinador Evandro Guimarães.

*Por: Franco Ferreira

Últimas