Coronavírus

Cidades Médica debocha de intubação de pacientes com covid-19 em RO

Médica debocha de intubação de pacientes com covid-19 em RO

“Dois intubados no mesmo plantão kakakakka. “Mais um eu peço música no fantástico", diz publicação

  • Cidades | Do R7

Publicação de médica de ri de intubações

Publicação de médica de ri de intubações

Reprodução

Uma médica recém-formada causou polêmica após publicar nas redes sociais uma mensagem em que ri por ter realizado duas intubações em pacientes do hospital de campanha do município de Guajará-Mirim, em Rondônia, dedicado ao tratamento de covid-19.

“Dois intubados no mesmo plantão kakakakka. “Mais um eu peço música no fantástico", declarou Leanara Amaro Rocha em seu perfil. A mensagem foi publicada em 19 de janeiro.

Formada em maio de 2020, Leanara estava de plantão na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de covid-19 do hospital. A prefeitura repudiou o ato e informou que Leanara "já havia pedido exoneração do Município início do ano de 2021 e logo depois ficou afastada por problemas de saúde". Mesmo com afastamento assegurado por atestado médico, ela se propôs a colaborar com o atendimento. 

O Ministério Publico de Rondônia informou ao R7 que oficiou a secretaria municipal de Saúde de Guajará-Mirim para receber informações sobre uma possível instauração de procedimento apuratório disciplinar. O MP ainda aguarda posição do município.

Após a repercussão negativa do caso, a médica postou uma carta aberta. No texto, pede desculpas "por uma publicação não pensada, sem teor nenhum de maldade ou sentimentos ruins". Leanara alega que a mensagem foi reproduzida com "teor totalmente diferente e discrepante do sentimento expressado naquele momento: 'Rir pra não chorar'".  A médica afirma ainda que "jamais e por hipótese nenhuma comemoraria de maneira cruel sobre os péssimos desfechos da Covid-19″. Nesta quarta-feira (27), a médica já havia apagado seus perfis nas redes sociais.

Últimas