Cidades Medicamento genéricos são 65% mais baratos em Campina Grande, aponta pesquisa

Medicamento genéricos são 65% mais baratos em Campina Grande, aponta pesquisa

A pesquisa de preços de medicamentos do mês de abril do Procon de Campina Grande constatou que os genéricos são 65% mais baratos do que os de referência (marca). Além disso, o estudo apontou que as maiores variações de preços foram de 575%, para os medicamentos de marca, e de 511,60%, para os genéricos. Veja […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Foto: Imagem ilustrativa/Marcello Casal Jr/Agência Brasil

A pesquisa de preços de medicamentos do mês de abril do Procon de Campina Grande constatou que os genéricos são 65% mais baratos do que os de referência (marca). Além disso, o estudo apontou que as maiores variações de preços foram de 575%, para os medicamentos de marca, e de 511,60%, para os genéricos. Veja aqui a pesquisa completa.

O levantamento ocorreu no último dia 20 em sete farmácias e drogarias da cidade. Foram pesquisados 36 medicamentos, sendo 18 de marca e 18 genéricos.

De acordo com a pesquisa, divulgada nesta quinta-feira (22), entre os medicamentos de referência, as maiores diferenças de preços encontradas foram na Losartana potássica de 50 mg, com 30 comprimidos – com preços entre R$ 7 e R$ R$ 47,28 (uma variação de 575%); e no Paracetamol de 750 mg, com 20 comprimidos (545%) – com valor de R$ 5,52 a R$ 35,63 (uma variação de 545%).

Já entre os medicamentos genéricos, as maiores diferenças de preços registradas foram no Diclofenaco sódico de 50 mg, com 20 comprimidos – com valor entre R$ 2,50 e R$ 15,29 (com variação de 511,60%); Paracetamol de 200 mg/ml – gotas, com 15 ml – cujo valor varia entre R$ 1,99 e R$ 9,12 (com variação de 358,29%); Paracetamol de 750 mg, com 20 comprimidos, preço entre R$ 2 e R$ 8,90 (com variação de 345%); e o Nimesulida de 100 mg – 12 comprimidos, com valores entre R$ 3 e R$ 12,25 (com variação de 308,33%).

Últimas