Cidades Morre Josué Cavalcanti Pedroza, professor e ex-técnico de basquete

Morre Josué Cavalcanti Pedroza, professor e ex-técnico de basquete

O basquete paraibano perdeu mais um colaborador. Morreu vítima de câncer, nesta terça-feira (13), em João Pessoa, Josué Cavalcanti Pedroza Neto. Ele foi técnico de vários clubes, seleções de base da Paraíba e professor de vários colégios. A Federação Paraibana de Basketball (FPB) divulgou nota lamentando a morte do professor. Natural de Itaporanga, Sertão da […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Josué Cavalcanti Pedroza (Foto: Reprodução/Arquivo pessoal)

O basquete paraibano perdeu mais um colaborador. Morreu vítima de câncer, nesta terça-feira (13), em João Pessoa, Josué Cavalcanti Pedroza Neto. Ele foi técnico de vários clubes, seleções de base da Paraíba e professor de vários colégios. A Federação Paraibana de Basketball (FPB) divulgou nota lamentando a morte do professor.

Natural de Itaporanga, Sertão da Paraíba, Josué Cavalcanti Pedroza Neto era coordenador do projeto São Francisco de Assis (Jasfa) e funcionário municipal de João Pessoa. Como técnico e professor de basquete, passou por vários colégios, clubes e se destacou nas seleções da Paraíba, nos Jogos Escolares Brasileiros.

Em nota, o presidente da FPF, Wladimir César Lira, decretou luto pelo falecimento do técnico, Josué Pedroza Neto. “Neste momento de pesar, a Federação Paraibana de Basketball (FPB) decreta luto e se solidariza, apresentando os mais sinceros sentimentos de consideração e respeito aos familiares e amigos”.

“Hoje, o basquetebol da Paraíba estrá de luto. Homem íntegro, correto, amigo. Uma pessoa correta que deixa um legado para muitos alunos. A gente fica muito triste com a passagem desta pessoa do bem, que era Josué Pedroza Neto”, lamentou o dirigente da FPB.

“Tive a felicidade de fazer uma amizade muito grande com Josué. Ele fazia um trabalho social maravilhoso. Formou muitos atletas bons. Só tenho coisas boas de Josué. Era grande incentivador do esporte. O basquete da Paraíba perde. Quero deixar uma mensagem para toda família dele”, afirmou o professor Adriano Lucena, que acompanhou de perto o trabalho de Josué Pedroza.

“Com tristeza recebi esta notícia da morte do professor Josué. Um amigo de mais de 20 anos. Um grande técnico do basquete paraibano. Estava com o projeto Jasfa com crianças carentes. Um home de bem. Uma perda irreparável, para o esporte paraibano. Deixa bastante saudade para todos nós”, disse o coordenador de esportes da Unifacisa, Eduardo Schafer.

Últimas