Novo Coronavírus

Cidades Paraná decreta emergência hídrica por estiagem e autoriza rodízio

Paraná decreta emergência hídrica por estiagem e autoriza rodízio

Segundo decreto que vigorará por 180 dias, prestadoras de serviço de saneamento ficam autorizadas a executar rodízio de 24 horas por estiagem

Agência Estado
Companhia de Saneamento decreta emergência hídrica por estiagem

Companhia de Saneamento decreta emergência hídrica por estiagem

Angélica Silveira / Especial / CP

A Sanepar (Companhia de Saneamento do Paraná), informou que o Estado do Paraná decretou situação de emergência hídrica, devido à estiagem. As prestadoras de serviço de saneamento ficam autorizadas a executar rodízio de 24 horas considerado da interrupção até a retomada do abastecimento, com prazo para normalização de até mais 24 horas.

Leia mais: Inflação oficial de abril recua ao menor patamar mensal em 22 anos

Os limites acima podem ser extrapolados em situações emergenciais de manutenção ou decorrentes de caso fortuito e força maior, devendo ser comunicadas para a população e órgãos de fiscalização", conforme divulgado nesta sexta-feira (8).

O decreto, editado nesta quinta-feira, vigorará pelo prazo de 180 dias, podendo ser revisto a qualquer momento.

Leia mais: Câmara pode votar nesta sexta uso obrigatório de máscara no país

"O Instituto Água e Terra - IAT, no uso de suas atribuições legais, para outorga de direito de uso de recursos hídricos e autorizações ambientais, realizará ações emergenciais destinadas ao abastecimento público priorizando as demandas das prestadoras de serviço com esta finalidade", diz o comunicado.

Últimas