Cidades Pollyanna Dutra comemora lançamento do “Tá na mesa” e destaca iniciativas para enfrentamento da fome

Pollyanna Dutra comemora lançamento do “Tá na mesa” e destaca iniciativas para enfrentamento da fome

A deputada Pollyanna Dutra comemorou o lançamento do programa de segurança alimentar “Tá na Mesa”, que irá contemplar 83 municípios paraibanos com a oferta de almoços a R$ 1. Ao todo, serão disponibilizados 552.200 almoços por mês, totalizando investimentos próprios do tesouro estadual que somam mais de R$ 4 milhões mensais. Dentre outros, serão beneficiados […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Pollyanna Dutra (Foto: Divulgação)

A deputada Pollyanna Dutra comemorou o lançamento do programa de segurança alimentar “Tá na Mesa”, que irá contemplar 83 municípios paraibanos com a oferta de almoços a R$ 1. Ao todo, serão disponibilizados 552.200 almoços por mês, totalizando investimentos próprios do tesouro estadual que somam mais de R$ 4 milhões mensais. Dentre outros, serão beneficiados diversos municípios do Sertão em resposta a demandas da parlamentar, que solicitou ações de segurança alimentar para cidades da Paraíba por meio de diversos requerimentos endereçados ao governo do estado.

“Segundo pesquisa divulgada pela Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (PENSSAN), a fome atinge hoje cerca de 47% da população do Semiárido Brasileiro. Essa é uma realidade cruel que temos observado na Paraíba. A pandemia agravou essa questão e ações de segurança alimentar são urgentes, motivo pelo qual fizemos diversos e reiterados pedidos que hoje são parcialmente atendidos pelo governador João Azevedo por meio do programa ‘Tá na Mesa’”, destacou a parlamentar.

Além de atender pessoas em situação de vulnerabilidade social, o ‘Tá na mesa’ pretende fomentar economias locais, a partir do lançamento do edital de chamada pública para a contratação de restaurantes dos municípios contemplados para o fornecimento das refeições. O programa terá duração mínima de três meses e prevê a distribuição de 250 alimentações diárias nos municípios que possuem entre 10 mil e 20 mil habitantes e de 400 refeições em municípios acima de 20 mil habitantes. Além disso, o edital de chamamento público será lançado até o próximo dia 17, assegurando o fornecimento dos almoços em até 30 dias.

“O programa ‘Tá na Mesa’ ocorrerá nos moldes dos restaurantes populares, mas, devido à urgência do avanço da fome, serão fornecidas refeições a R$ 1,00 nos restaurantes que se cadastrarem no edital de chamamento. A população pagará R$ 1,00 e o restante será custeado pelo governo do estado. Uma ação fundamental e imprescindível para segurança alimentar do nosso povo que, inicialmente, contemplará 83 municípios, mas que seguiremos cobrando para mais cidades, que também estão enfrentando a fome de forma devastadora. Também destacamos que há projetos para construção de mais restaurantes populares, inclusive diversos mediante pedidos nossos, que serão ampliados em breve”, completou Dutra.

Últimas