Portal Correio Botafogo-PB e VF4 entram em campo neste sábado (23) pelo Brasileirão Feminino

Botafogo-PB e VF4 entram em campo neste sábado (23) pelo Brasileirão Feminino

Os dois representantes paraibanos no Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino entram em campo, neste sábado (23), em partidas fora de casa. As meninas do Botafogo-PB vão encarar o Ceará, pela Série A2, enquanto a equipe do VF4 terá pela frente o Sport Recife, na Série A3. As belas vão pegar o Ceará no CT Vozão, […]

Brasileirão

Brasileirão

Portal Correio
Foto: Divulgação

Os dois representantes paraibanos no Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino entram em campo, neste sábado (23), em partidas fora de casa. As meninas do Botafogo-PB vão encarar o Ceará, pela Série A2, enquanto a equipe do VF4 terá pela frente o Sport Recife, na Série A3.

As belas vão pegar o Ceará no CT Vozão, na cidade de Itaitinga (CE), às 15h. A partida vai reunir as duas equipes que ocupam os extremos do Grupo C. As cearenses lideram a chave com 13 pontos, depois de cinco rodadas, com quatro vitórias e um empate. As belas estão na última posição, com três pontos, com uma vitória e quatro derrotas, em cinco jogos.

Enquanto o Ceará luta para se manter no topo e continuar a briga pelo título da competição nacional, o Botafogo busca deixar a lanterna da chave. Além disso, o time paraibano ainda tem chances remotas de continuar nas disputas da Série A2, na próxima temporada. Os quatro piores times da competição serão rebaixados.  

Para comandar o jogo entre Ceará-CE e Botafogo-PB foi escalada Elizabete Esmeralda Cordeiro dos Santos. Ela terá na assistência Ana Carolina Lima de Souza e Camila Ferreira de Sousa. Na reserva trabalha Antonio Magno Lima Cordeiro e, como analista de campo, Francisco de Assis Almeida. Todos do Ceará.

Na Ilha do Retiro

A pior missão parece ser do VF4, que vai encarar o Sport Recife, às 15h, na Ilha do Retiro, na capital de Pernambuco, pela terceira fase da Série A3. A competição está sendo disputada por fase. No jogo passado, as pernambucanas venceram por 2 a 0 atuando no estádio Almeidão, em João Pessoa.

Agora, o representante paraibano terá que devolver o resultado para decidir a vaga nos pênaltis, ou vencer com três gols de vantagem para passar direto no tempo normal. A verdade é que o treinador Guilherme Paiva, mesmo admitindo que não será fácil, ainda acredita na possibilidade de surpreender o Sport na Ilha.

A arbitragem para Sport-PE e Vf4-PB tem no comando Deborah Cecilia Cruz Correia (FIFA). As assistentes são Karla Renata Cavalcanti e Priscilla Fernandes. O quarto árbitro é Diego Fernando Silva de Lima e, para analista de campo, foi escalada Ana Karina Marques Valentin. Toda a arbitragem é pernambucana.

Últimas