Portal Correio Campinense vai encarar o Guarany em próximo jogo pela Série D

Campinense vai encarar o Guarany em próximo jogo pela Série D

O Campinense conheceu nessa segunda-feira (20) o próximo adversário na Série D do Campeonato Brasileiro. A Raposa vai encarar o Guarany de Sobral-CE. O primeiro jogo será em Campina Grande e o segundo, no Ceará, como manda o regulamento da competição. O time cearense se classificou vencendo o Galvez-AC por 2 a 0, no Ceará, […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Foto: Divulgação/Campinense

O Campinense conheceu nessa segunda-feira (20) o próximo adversário na Série D do Campeonato Brasileiro. A Raposa vai encarar o Guarany de Sobral-CE. O primeiro jogo será em Campina Grande e o segundo, no Ceará, como manda o regulamento da competição. O time cearense se classificou vencendo o Galvez-AC por 2 a 0, no Ceará, em jogo de volta. Na ida, o resultado apontou o empate de 0 a 0, no Acre.

O time Raposa conseguiu passar de fase superando o Sergipe nos pênaltis, por 4 a 2, depois do empate de 1 a 1, em jogo complicado. O elenco do Campinense voltou aos treinamentos nessa segunda-feira, intensificando os preparativos para mais um desafio nesta caminhada em busca do acesso para a Série C do próximo ano.

Nas atividades realizadas nessa segunda-feira, o elenco foi dividido. Os jogadores que atuaram como titulares no jogo passado trabalharam no Renatão. Os outros participaram de um jogo-treino no CT de Teles Albuquerque. O técnico Ranielle Ribeiro observou toda a movimentação, dando as coordenadas necessárias aos jogadores.

No primeiro tempo, o time da Raposa esteve com Camilo, Denis, Cleiton, Weverton e Filipe Ramon; Serginho Paulista, Dione e Allefe; Juliano, Marcos Nunes e Anselmo, com vitória de 4 a 0. Os gols foram marcados por Serginho Paulista, duas vezes, Juliano e Denis.

Depois entraram Caio Rhuan, Vitinho, Marinho, Cleidson Pink e Kauã; Gabriel Pereira, Joílson, Edinho Corrêa e Wendel Barros; Rhuan Carlos e Pedro Gabriel. Com vitória de 6 a 0. Os gols foram de Pedro Gabriel, duas vezes, Edinho Corrêa, Gabriel Pereira, Vitinho e Ruan Carlos.

Últimas