Portal Correio Cerca de 60 mil pessoas deverão receber em casa remédios para hipertensão e diabetes, em João Pessoa

Cerca de 60 mil pessoas deverão receber em casa remédios para hipertensão e diabetes, em João Pessoa

Medicamentos anti-hipertensivos e antidiabéticos orais (de uso contínuo) serão entregues em casa para cerca de 60 mil pessoas em João Pessoa. A ideia é parte do programa ‘Remédio em Casa’ lançado nesta quarta-feira (1º) pela prefeitura. A expectativa é que as entregas comecem em outubro. Poderão ter acesso hipertensos e diabéticos que sejam acompanhados pelas […]

Portal Correio
Foto: Imagem ilustrativa/ Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Medicamentos anti-hipertensivos e antidiabéticos orais (de uso contínuo) serão entregues em casa para cerca de 60 mil pessoas em João Pessoa. A ideia é parte do programa ‘Remédio em Casa’ lançado nesta quarta-feira (1º) pela prefeitura. A expectativa é que as entregas comecem em outubro. Poderão ter acesso hipertensos e diabéticos que sejam acompanhados pelas Unidades Básicas de Saúde do Município.
 
O planejamento da Secretaria Municipal de Saúde é atender inicialmente o público idoso. “Nossa ideia é que este público prioritário possa receber esse benefício imediatamente, mas a tendência é que rapidamente todos os cadastrados sejam contemplados”, explicou o secretário municipal da Saúde, Fábio Rocha.

Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Evento de lançamento do programa (Foto: Divulgação/Secom-JP)

Para ser beneficiado pelo programa, o cidadão precisa ser cadastrado na Unidade Básica de Saúde, estar diagnosticado e fazer o acompanhamento pela equipe de Saúde da Família. A entrega será adequada a cada paciente, podendo ser mensal, trimestral ou semestral, dependendo do caso.
 
A senadora Daniela Ribeiro e o deputado federal Aguinaldo Ribeiro foram responsáveis pela alocação de parte dos recursos que vão garantir a implantação do programa.
 
Também participaram da solenidade de lançamento, além do prefeito Cícero Lucena (Progressistas), o deputado estadual João Gonçalves e os vereadores Bruno Farias, Luís Flávio, Marcos Bandeira, Emano Santos, Júnior Leandro, Coronel Sobreira  e Bosquinho.

Últimas