Portal Correio Chió recorda luta pelo perdão de dívidas para motos com IPVA atrasado na Paraíba

Chió recorda luta pelo perdão de dívidas para motos com IPVA atrasado na Paraíba

O anúncio feito pelo governador João Azevêdo (Cidadania), nesta segunda-feira (16), confirmando o perdão das dívidas do IPVA dos últimos cinco anos para donos de motos de até 162 cilindradas foi recebido com alívio por milhares de paraibanos, bem como, pelo deputado estadual Chió (Rede/PB). É que a proposta foi defendida pelo parlamentar ainda no […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Chió (Foto: Divulgação)

O anúncio feito pelo governador João Azevêdo (Cidadania), nesta segunda-feira (16), confirmando o perdão das dívidas do IPVA dos últimos cinco anos para donos de motos de até 162 cilindradas foi recebido com alívio por milhares de paraibanos, bem como, pelo deputado estadual Chió (Rede/PB).

É que a proposta foi defendida pelo parlamentar ainda no ano de 2019, através do Requerimento Nº 6338/2019, sendo aprovada durante a 4º Sessão Itinerante da Assembleia Legislativa da Paraíba, realizada na cidade de Guarabira.

De acordo com o governador João Azevêdo (Cidadania), a ação contemplará 284 mil motos na Paraíba e ajudará milhares de trabalhadores em todo o estado que precisam da moto para obter renda ou se locomover.

Chió comemorou o anúncio do governador, destacando que a mesma ‘Casa de Epitácio’ que já demonstrou, ainda em 2019, apoio à pauta, estará junto com o Governo do Estado, aprovando o projeto e em favor de milhares de paraibanos.

“Desde que pautamos essa discussão na Assembleia, infelizmente a situação piorou muito, com a pandemia. São milhares de pais de família, entregadores e agricultores que precisam do transporte para sobreviver. São milhares de paraibanos que não ganham o suficiente para as despesas do mês e por isso, muitas vezes, acabam ficando em situação irregular. Com certeza, se já antecipamos esse debate na Assembleia, seremos novamente a favor do projeto, que tem grandioso valor social para os paraibanos mais humildes”, enfatizou Chió.

Últimas