Portal Correio Conheça os benefícios do parto normal para a mulher e o bebê

Conheça os benefícios do parto normal para a mulher e o bebê

Foi no dia 4 de julho deste ano que Lívia Nunes, primeira filha de Maria Laurentina e Ewerton, nasceu na maternidade do Hospital Alberto Urquiza Wanderley, em João Pessoa, por parto normal. De acordo com a obstetra e ginecologista Yara Villar, coordenadora do setor na unidade de saúde, esse tipo de parto traz diversos benefícios […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Foto: Divulgação

Foi no dia 4 de julho deste ano que Lívia Nunes, primeira filha de Maria Laurentina e Ewerton, nasceu na maternidade do Hospital Alberto Urquiza Wanderley, em João Pessoa, por parto normal. De acordo com a obstetra e ginecologista Yara Villar, coordenadora do setor na unidade de saúde, esse tipo de parto traz diversos benefícios para a mãe e para a criança. Entre eles, uma recuperação mais rápida.

Com o parto normal, a hora de ir para casa chega mais rápido.  Por não ser necessária a realização de procedimentos mais invasivos, a mulher tem condição de ficar com o bebê, podendo aproveitar melhor o pós-parto e os primeiros dias do filho.

“Duas horas depois do parto, eu já tinha almoçado, tomado banho e fazia a primeira troca de roupa dela”, confirma Maria Laurentina. “Se tivesse sido uma cesariana, eu não estaria fazendo nada daquilo”, destaca.

Isso é possível porque a recuperação da mulher ocorre em um intervalo menor. “O tempo que o útero leva para voltar ao tamanho normal, por exemplo, é menor em comparação à cesárea”, afirma Yara Villar. “O risco de infecção também diminui, tanto no bebê quanto na mãe, porque no parto normal não há realização de corte ou utilização de instrumentos cirúrgicos”, explicou.

Outro benefício é que a passagem do bebê pelo canal vaginal faz com que ele seja exposto a microrganismos pertencentes à microbiota normal da mulher, o que interfere diretamente no desenvolvimento saudável do bebê, já que colonizam o seu intestino, além de promover a atividade e fortalecimento do sistema imunológico. O parto normal também é benéfico para a respiração do bebê.

Boas lembranças

Sempre que fala sobre o parto, Laurentina se emociona por achar que foi um momento perfeito e cheio de respeito e sentimento. “Durante todo o pré-natal, me preparei para um parto normal, com o incentivo da minha médica. Comecei a sentir as contrações na madrugada, mas sabia que ainda não era a hora. Falei com minha médica e passei a fazer os exercícios que a fisioterapeuta havia ensinado”, disse.

Quando Laurentina chegou ao hospital, já estava com oito centímetros de dilatação. “Com pouco mais de uma hora, depois de dar entrada, minha filha nasceu. O que me emociona, além de toda a saúde que ela tem, é saber que a equipe abraçou meu parto. Fez como eu havia planejado, me respeitou, me deu segurança”, lembrou.

O marido, Ewerton Fernandes Barreto, participou de todo o processo. “Apesar da emoção e do nervosismo, ele me acompanhou em tudo”, disse a enfermeira.

Estrutura

Maria Laurentina destacou a estrutura da maternidade do Hospital Alberto Urquiza Wanderley, que integra a rede própria de atendimento da Unimed João Pessoa, para a realização do parto.

“Eu pude usar vários equipamentos da sala de parto normal e isso me ajudou muito também. A sala é completa. Um sonho para quem quer e pode ter um parto normal”, comentou.

No momento do nascimento, a equipe colocou a música ‘Anunciação’, de Alceu Valença, e fez toda uma preparação para a chegada de Lívia. “É uma equipe preparada e isso me deu muita segurança para continuar com o plano de parto. Mas, ao vê-las rezando por mim e por minha filha, tocou meu coração”, disse.

Para Laurentina, o sentimento é de gratidão pela saúde da filha, pelo modo como ela nasceu e pela equipe que as acolheu.

Parto adequado

A médica Yara Villar afirmou que, hoje, a mulher é protagonista do parto e quer que ele seja adequado, sem intervenções ou com intervenções apenas quando necessário, escolhendo inclusive a posição de parir. “A maternidade da Unimed João Pessoa incentiva o parto normal e propicia à mulher toda a estrutura adequada para que suas escolhas sejam respeitadas e colocadas em prática”, disse.

A obstetra ainda listou toda a estrutura das salas especiais para o parto normal que a maternidade oferece. “São salas com iluminação controlada e sonorização, que ajudam a deixar o ambiente mais calmo e aconchegante; banheiro com chuveiro com água quente, que contribui para diminuir as dores e a tensão; banheira descartável para o parto na água; bola apropriada, cavalinho, banqueta e barra, que auxiliam a mulher a encontrar a melhor e mais confortável posição no pré-parto e no parto”, listou Yara Villar.

A maternidade está preparada para atender partos de alta complexidade e também procedimentos menos complexos. A unidade conta com salas para partos cesarianas e UTI para a mãe e o bebê, caso seja necessário. Os pacientes podem contar ainda com uma equipe especializada e experiente.

Sobre a Unimed JP

Com 49 anos de tradição, a Unimed João Pessoa é uma cooperativa de trabalhos médicos que se consolidou como a maior operadora de planos de saúde da Paraíba. Além de mais de 1,8 mil médicos cooperados, possui a mais completa rede de assistência médico-hospitalar privada do estado.

São diversos hospitais credenciados, sendo dois próprios – um deles referência em alta complexidade -, além de clínicas, prontos-socorros e laboratórios à disposição de 150 mil clientes. Comprometida com o desenvolvimento sustentável, é signatária do Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU).

Últimas