Portal Correio Em nota oficial, Anvisa esclarece medidas recentes contra jogadores

Em nota oficial, Anvisa esclarece medidas recentes contra jogadores

Após a confusão no jogo entre Brasil e Argentina válido pelas Eliminatórias da Copa 2022 e as recentes medidas contra William, do Corinthians, e Andreas Pereira, do Flamengo, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) publicou uma nota oficial onde buscou esclarecer tais ações. A informação é do R7. Segundo a Anvisa, tais jogadores não […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
William é novo reforço do Corinthians (Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

Após a confusão no jogo entre Brasil e Argentina válido pelas Eliminatórias da Copa 2022 e as recentes medidas contra William, do Corinthians, e Andreas Pereira, do Flamengo, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) publicou uma nota oficial onde buscou esclarecer tais ações. A informação é do R7.

Segundo a Anvisa, tais jogadores não cumpriram as medidas exigidas pela regras de saúde brasileira, ao burlarem os 14 dias de quarentena exigidos e firmados em um termo que deve ser assinado assim que eles entram no Brasil. A medida é válida para quem vem do Reino Unido, Irlanda do Norte, África do Sul e Índia.

A nota diz ainda que o papel da Anvisa normalmente se encerra quando notifica agentes de saúde estaduais e municipais da situação dos jogadores, com o nome e o endereço de onde eles pretendem exercer a quarentena.

No caso de William e Andreas Pereira, “aparentemente não houve a ação das equipes de vigilância em saúde” e emitiu um alerta no sábado (11) à noite.

A agência agradeceu ao Corinthians pelo time “perceber a importância desse objetivo” e pede a colaboração de “ídolos (…) do futebol”.

William jogaria pelo Corinthians na partida deste domingo contra o Atlético-GO, mas foi vetado pelo time após o aviso da agência.

Já Andreas Pereira já jogou pelo Flamengo, mesmo sem cumprir a quarentena e pode ser processado.

Últimas