Portal Correio Entenda como hábitos aparentemente inofensivos podem prejudicar a saúde da visão

Entenda como hábitos aparentemente inofensivos podem prejudicar a saúde da visão

O hábito de coçar os olhos parece inofensivo, mas pode causar graves problemas à visão. As alergias, o clima e, até mesmo, o cansaço são motivos para a prática, que pode ser a porta de entrada de vírus e bactérias. Evitar esse hábito, usar óculos com proteção adequada e, principalmente, não seguir orientações de leigos […]

Portal Correio
Problemas oculares

Problemas oculares

Portal Correio
Costume de coçar pode gerar lesões nos olhos (Foto: Divulgação)

O hábito de coçar os olhos parece inofensivo, mas pode causar graves problemas à visão. As alergias, o clima e, até mesmo, o cansaço são motivos para a prática, que pode ser a porta de entrada de vírus e bactérias. Evitar esse hábito, usar óculos com proteção adequada e, principalmente, não seguir orientações de leigos ou tratamentos de internet é fundamental para preservar a saúde da visão.

Coçar os olhos pode fragilizar a córnea e gerar mudanças na refração (aumento do grau) devido ao trauma mecânico. Também há o risco de desenvolvimento de ceratocone, problema crônico que pode levar ao comprometimento da visão de forma grave.

Para prevenir problemas mais sérios, a orientação da oftalmologista Astrid Vasconcelos dos Santos, médica cooperada da Unimed João Pessoa, é fazer exames de rotina anualmente, mesmo que não haja alterações na visão ou sintomas oculares estranhos. “Procurar um oftalmologista assim que perceber algum sintoma também dificulta o desenvolvimento de doenças graves e a prevenção evita patologias sem sintomas”, explica.

O uso de óculos de sol é indicado pela oftalmologista. Desde que apresentem 100% de filtro contra os raios UV-A e UV-B. “Caso contrário, a pessoa corre até mais riscos, pois as lentes escuras diminuem a fotofobia e deixam o olho mais confortável ao sol, o que aumenta a exposição sem proteção adequada”, explica. Quando isso acontece, os raios penetram com mais facilidade nos olhos e aumentam os riscos de doenças da córnea, cristalino e retina. Outra contraindicação é fazer uso dos óculos de outra pessoa ou de grau diferente do indicado.

Higienização

Lavar os olhos diariamente é suficiente para a boa higienização da área. Segundo Astrid Vasconcelos, não é preciso utilizar um produto específico, exceto para remoção de maquiagem ou em caso de portadores de blefarite — inflamação das bordas das pálpebras —, quando pode ser usado shampoo infantil neutro. “A maquiagem, a princípio, também não prejudica, a menos que a pessoa apresente alergias a corantes ou conservantes ou possua alguma doença na superfície ocular”, destaca a médica, que também alerta para o risco que corre a pessoa que não toma cuidado de remover a maquiagem ao final do dia.                                 

Uma dieta balanceada e rica em nutrientes e antioxidantes também é importante para ter uma boa saúde não apenas ocular, mas de todo o corpo. A oftalmologista destaca que suplementos de vitaminas podem ser utilizados, mas apenas sob orientação médica e em casos de problemas específicos, como olho seco, degeneração macular e neuropatias por carência de nutrientes.

Últimas