Novo Coronavírus

Cidades Prefeito eleito de Goiânia segue internado e sedado em SP

Prefeito eleito de Goiânia segue internado e sedado em SP

Segundo boletim médico, Vilela está "respondendo aos estímulos e com níveis de oxigenação satisfatórios, em diálise e reabilitação"

Agência Estado - Política
Vilela está no hospital desde 27 de outubro

Vilela está no hospital desde 27 de outubro

Reprodução / Redes Sociais

Prefeito eleito de Goiânia, Maguito Vilela (MDB), continua internado no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, onde está desde 27 de outubro, antes mesmo do primeiro turno das eleições municipais, para tratar complicações decorrentes da covid-19. Ele tem 71 anos.

Segundo o boletim médico mais recente, Vilela "segue com quadro estável, sedação leve, traqueostomizado e em pressão de suporte", isto é, fazendo uso de ventilador mecânico.

A nota ainda informa que o político está "respondendo aos estímulos e com níveis de oxigenação satisfatórios, em diálise e reabilitação".

Histórico

Vilela, que também é ex-governador goiano, está internado no Albert Einstein desde o dia 27 de outubro, após ser infectado pelo novo coronavírus. O tratamento o fez perder parte da campanha pela prefeitura da capital do seu estado de origem.

No dia 30 de outubro, a equipe médica decidiu pela intubação do paciente pelo quadro de insuficiência respiratória. Ele evoluiu bem, foi extubado no dia 8 de novembro, mas voltou a ser intubado em razão de uma piora do quadro pulmonar (inflamatória e infecciosa), seguindo em ventilação mecânica invasiva.

Já no dia 17 de novembro, os médicos iniciaram um tratamento dialítico seguido de instalação de Ecmo para proporcionar ventilação protetora pulmonar.

Quando foi eleito no segundo turno com quase 280 mil votos, Vilela não soube do resultado, pois estava sedado.

Últimas