Crise Penitenciária
Cidades Rebelião deixa 9 mortos e 14 feridos em Aparecida de Goiânia (GO)

Rebelião deixa 9 mortos e 14 feridos em Aparecida de Goiânia (GO)

Outros 34 detentos conseguiram fugir da unidade prisional  

Rebelião deixa 9 mortos e 14 feridos em Aparecida de Goiânia (GO)

Presos são rendidos após rebelião

Presos são rendidos após rebelião

SSP/Goiás

Uma rebelião entre presos que cumprem pena em regime semiaberto terminou com nove mortos e 14 feridos no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, em Goiás, na tarde desta segunda-feira (1º).

Outros 34 detentos conseguiram fugir. Um helicóptero da Polícia Militar está sendo usado para dar apoio na recaptura de foragidos.

Segundo a Superintendência Executiva de Administração Penitenciária de Goiás, os presos da ala C invadiram a ala B e houve confronto entre eles. Os rebelados incendiaram também a unidade prisional. O Corpo de Bombeiros foi acionado e conteve o fogo.

Por volta das 16 horas, o presídio foi retomado pelo Gope (Grupo de Operações Penitenciárias Especiais), com apoio do Batalhão de Choque da Polícia Militar. 

A rebelião no primeiro dia de 2018 repete o que aconteceu ano passado, quando o ano começou com a morte de 56 presos do Compaj (Complexo Penitenciário Anísio Jobim), em Manaus. Na ocasião, o motivo do motim foi um conflito entre as facções criminosas PCC (Primeiro Comando da Capital) e FDN (Família do Norte).

Leia mais notícias sobre R7 Cidades

    Access log