Cidades RS: com filho desaparecido, pai e madrasta de Bernardo foram a festa

RS: com filho desaparecido, pai e madrasta de Bernardo foram a festa

Casal teria gastado cerca de R$ 1.000 em uma noite de sábado

  • Cidades | Do R7, com Cidade Alerta

Antes de procurar a delegacia para registrar o desaparecimento do filho, o médico Leandro Boldrini e a mulher dele Graciele Boldrini foram a uma festa, no sábado (5). Segundo o pai, Bernardo, de 11 anos, saiu de casa no dia anterior e disse que iria para um colega, mas não retornou.

Na festa, chamada Noite do Black, o casal teria gastado cerca de R$ 1.000 entre convites e bebidas, principalmente espumantes. Eles passaram a noite no local.

Apenas no domingo (6), que o cirurgião foi à delegacia comunicar o desaparecimento do menino. Uma semana depois, o corpo de Bernardo foi encontrado em outra cidade. No dia seguinte, o casal e uma amiga deles foram presos, suspeitos do crime. A amiga confessou participação e disse que ajudou Graciele. 

Leia mais notícias de Cidades

Avó e pai de Bernardo têm disputa judicial por relógio de ouro, diz advogado

Família está chocada, diz primo de pai de menino morto no RS

Assista ao vídeo:

Últimas