Cidades Sobrevivente da Kiss morre dois anos após tragédia

Sobrevivente da Kiss morre dois anos após tragédia

Uilian da Silva Vieira ajudou a socorrer vítimas no dia em que a tragédia aconteceu

Sobrevivente da Kiss morre dois anos após tragédia

Um dos sobreviventes do incêndio na boate Kiss, em Santa Maria (RS), morreu dois anos após a tragédia, que aconteceu em janeiro de 2013.

Com o caso de Uilian da Silva Vieira, de 27 anos, o número de vítimas chega a 243. O jovem morreu há cerca de um mês e meio, mas apenas agora o falecimento foi comunicado à AVTSM (Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria).

O presidente da associação, Sérgio da Silva, informou ao R7 que o jovem já tinha problemas respiratórios antes do incêndio na boate.

— Depois da Kiss, ele começou a fazer tratamento no hospital universitário.

Veja como estão os sobreviventes

Acompanhe a cobertura completa da tragédia na Boate Kiss

O presidente disse também que os médicos não deram informações exatas sobre o caso e que não é possível afirmar com certeza se a morte foi consequência da tragédia ou se foi em decorrência dos problemas pulmonares que ele já tinha.

Na noite do incêndio, Uilian chegou a ajudar na retirada de algumas vítimas e inalou muita fumaça. Depois de um ano e meio, o estado de saúde dele ficou mais grave e os pulmões pararam de funcionar.