Cidades Times da Paraíba querem público nos estádios

Times da Paraíba querem público nos estádios

A partida final da Copa América, que apontou a derrota da Seleção Brasileira para a Argentina, por 1 a 0, no estádio Maracanã, no Rio de Janeiro, contou com presença de público. Seguindo essa flexibilidade das autoridades de saúde, mesmo com a pandemia, o jogo Flamengo x Defensa y Justicia, nesta quarta-feira (21), pela Libertadores, […]

Portal Correio
Estádio Amigão, em Campina Grande (Foto: Divulgação)

A partida final da Copa América, que apontou a derrota da Seleção Brasileira para a Argentina, por 1 a 0, no estádio Maracanã, no Rio de Janeiro, contou com presença de público. Seguindo essa flexibilidade das autoridades de saúde, mesmo com a pandemia, o jogo Flamengo x Defensa y Justicia, nesta quarta-feira (21), pela Libertadores, em Brasília, também terá torcida.

A verdade é que o movimento tem aproximado cada vez mais a possibilidade de todos os jogos pelas competições brasileiras terem a presença de torcedores. Inicialmente, os dirigentes falam em ocupação de 30% da capacidade dos estádios.

Na semana passada, o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, admitiu flexibilizar, liberado torcida para os jogos do Botafogo nas disputas da Série C do Campeonato Brasileiro. Com isso, os dirigentes de Treze e Campinense convocaram uma reunião com o prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, e a presidente da Federação Paraibana de Futebol, Michele Ramalho.

O objetivo dessa reunião realizada nesta terça-feira (20), em Campina Grande, foi avaliar a possibilidade de preparar o protocolo liberando a venda de ingressos para os próximos jogos, envolvendo os times de Treze e Campinense nas disputas da Série D.

O presidente do Treze, Walter Júnior, afirmou já ter os ingressos prontos para vender e se depender dele, o torcedor já votaria ao estádio a partir do próximo jogo. O Treze vai atuar domingo, às 16h, no estádio Amigão, em Campina Grande, pela oitava rodada da Série D, contra o Caucaia-CE.

O presidente do Campinense, Phelipe Cordeiro, está propenso a contar com a presença da torcida nos jogos do Campinense na partida contra o Atlético-CE, no próximo dia 31, perla nona rodada da competição brasileira, no Amigão, às 15h, em Campina Grande.

Mas os dirigentes de Treze e Campinense estão empenhados mesmo na possibilidade de promoverem uma grande festa no dia 8 do próximo mesmo, por ocasião do Clássico dos Maiorais. A proposta é colocar, no mínimo, 5 mil torcedores, sendo 2.500 trezeanos e 2.500 raposeiros.

“Tudo isso vai depender das autoridades de saúde, do Governo do Estado e da prefeitura. Por isso, a proposta é preparar um documento seguindo todos os protocolos para a segurança do torcedor. O próximo jogo do Campinense, em Campina Grande, será contra o Atlético-CE e espero já contar com a torcida”, disse Phelipe Cordeiro.

“O Treze já tem os ingressos prontos. Esperamos já ter a presença de torcedores a partir da próxima rodada. Agora, temos de esperar a liberação seguindo todas as recomendações sanitárias”, afirmou o presidente do Treze, Walter Junior.

Últimas