Cidades Trio é preso suspeito de assassinar 15 pessoas no Sertão da Paraíba

Trio é preso suspeito de assassinar 15 pessoas no Sertão da Paraíba

A Polícia Civil prendeu, na manhã dessa quinta-feira (21), três homens suspeitos

Portal Correio

A Polícia Civil prendeu, na manhã dessa quinta-feira (21), três homens suspeitos de integrar um grupo de assassinos que atua na cidade do Catolé do Rocha, no Sertão da Paraíba. As prisões ocorreram nas cidades de Sousa, Campina Grande e Catolé do Rocha. Um quarto homem apontado pelas investigações como integrante do mesmo grupo criminoso já havia sido preso, na quarta-feira (20), em João Pessoa.

Leia também:

Dois suspeitos de assalto a bancos morrem em ação da polícia

Segundo informações do delegado Silvio Rabelo, da 3ª Superintendência de Polícia Civil da Paraíba, os alvos da ação policial são “indivíduos de alta periculosidade” e fazem parte de uma organização criminosa que atua em Catolé do Rocha, mas fugiram para outras cidades da Paraíba após causar mortes.

Ele acrescentou que a Polícia Civil já prendeu os principais envolvidos em chacina ocorrida em junho de 2020. As investigações irão continuar para prender demais envolvidos em homicídios ocorridos no ano passado.

“Os presos são homicidas considerados perigosos, responsáveis por cerca de 15 mortes em chacina ocorrida no ano passado na região”, declarou o delegado.

Os presos serão encaminhados ao Sistema Prisional e apresentados ao Poder Judiciário.

Últimas