Cidades UFPB distribui R$ 6,4 milhões em auxílios para estudantes

UFPB distribui R$ 6,4 milhões em auxílios para estudantes

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) inscreve para 5.400 vagas do Auxílio

Portal Correio

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) inscreve para 5.400 vagas do Auxílio Instrumental, que vai distribuir R$ 6.480.000 entre estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

Cada um dos selecionados no edital receberá R$ 1.200 para investir na aquisição de computador ou tablet. O objetivo é garantir que esses alunos tenham como acompanhar as aulas em formato remoto.

Além disso, um outro edital, do Auxílio Inclusão Digital, seleciona estudantes para distribuição de 7 mil chips de acesso à internet.

Os dois editais são destinados aos estudantes de cursos de graduação presenciais dos quatro campus da federal paraibana no período suplementar remoto 2020.1. Este semestre letivo é o segundo instituído pela UFPB no ano de 2020, devido à pandemia do novo coronavírus.

Inscrições

A inscrição dos estudantes deve ser realizada exclusivamente através do Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa), até o dia 4 de setembro. Os estudantes serão selecionados conforme as bases legais do Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) do Ministério da Educação (MEC) e as normas de cada edital.

Os benefícios da assistência estudantil da UFPB poderão ser acumulados com o auxílio instrumental desde que a soma total do auxílio instrumental a ser recebido com os demais benefícios que o estudante já recebe atualmente não ultrapasse 2,5 salários mínimos.

Outros requisitos Estar com auxílio estudantil ativo na data de inscrição, em pelo menos um dos benefícios oferecidos pela Prape: auxílio creche, auxílio transporte, auxílio alimentação, auxílio residência universitária, auxílio moradia ou auxílio restaurante universitário; Aqueles que não têm auxílio ativo na Prape devem comprovar situação de vulnerabilidade socioeconômica com base em autodeclaração presente no anexo de cada um dos editais; Declaração de que o aluno não tem acesso a computador (desktop e notebook) ou tablet para acompanhamento das aulas remotas; Declaração de que o aluno não tem acesso à internet, nem a plano mensal de dados móveis (3G/4G) com capacidade superior a 15 GB.

O processo de avaliação socioeconômica é de responsabilidade da equipe de assistentes sociais da Prape, nos quatro campi da UFPB. A divulgação do resultado das avaliações será em 11 de setembro. O resultado final, após recursos, será publicado em 18 de setembro. O depósito bancário e a entrega dos chips serão realizados logo em seguida.

Últimas