Cidades Ultramaratonista promove corrida beneficente para ajudar amigo com doença degenerativa

Ultramaratonista promove corrida beneficente para ajudar amigo com doença degenerativa

O tecnólogo em Construção de Edifícios, Sergio Freire, está promovendo a ‘Maratona do Thiagão’, corrida beneficente para ajudar no tratamento de saúde do amigo Thiago Cardoso, de 37 anos, acometido por um aneurisma cerebral. Como consequência da doença, Thiago não consegue andar e ainda possui tumores na cabeça, que dificultam a visão. Sergio Freire disse […]

Portal Correio
Portal Correio

Portal Correio

Portal Correio
Sergio Freire (Foto: Divulgação)

O tecnólogo em Construção de Edifícios, Sergio Freire, está promovendo a ‘Maratona do Thiagão’, corrida beneficente para ajudar no tratamento de saúde do amigo Thiago Cardoso, de 37 anos, acometido por um aneurisma cerebral. Como consequência da doença, Thiago não consegue andar e ainda possui tumores na cabeça, que dificultam a visão.

Sergio Freire disse que, por conta da pandemia do novo coronavírus, a corrida terá uma dinâmica diferente e será realizada de forma individual.

O intuito, segundo ele, é evitar aglomerações e também possibilitar que um maior número de pessoas se engajem à iniciativa. Sergio explicou que cada participante poderá percorrer o percurso escolhido, que vai de 1 km até 42 km, no período de 29 de maio a 13 de junho.

Ele também disse que pensando nas pessoas que não são adeptas das corridas providenciou alguns itens alusivos ao evento, como por exemplo camisa, garrafa e caneca, para que cada um possa ajudar da maneira que for mais viável.

“Cada um pode ajudar seja correndo, adquirindo algum produto cuja parte da renda será revertida para o tratamento de Thiago ou até mesmo divulgando o evento”, disse.

O ultramaratonista explicou que as inscrições podem ser feitas pelo telefone (83) 99850-5059. O interessado também pode obter mais informações pela conta do instagram @sergiorunning.

Veterano em provas de rua, Sergio Freire já correu 56 km, desafio que o tornou ultramaratonista. Em 2019, no Rio de Janeiro, participou do Desafio Cidade Maravilhosa, que consiste em correr 21 km em um dia, e 42 km no dia seguinte. Em seu currículo, Sergio também acumula participações em provas na Irlanda, Portugal e Inglaterra.

Sergio Freire disse que esta sua oitava maratona terá um significado especial. “Talvez será a mais especial de todas elas. Nós corredores aprendemos desde cedo, que o companheirismo é a alma desse negócio. Numa corrida quando percebemos que um atleta tem dificuldades de terminar a prova, ou até mesmo quando passa mal, não hesitamos em ajudar, e aqui vale o ditado, fazer o bem, sem olhar a quem”, ressaltou.

Últimas