Cidades Caso Miguel completa um ano; mãe e madrasta são suspeitas e corpo nunca foi encontrado

Caso Miguel completa um ano; mãe e madrasta são suspeitas e corpo nunca foi encontrado

Yasmin Vaz dos Santos Rodrigues e Bruna Nathiele Porto da Rosa vão a júri popular, mas ainda não há previsão de data para o julgamento

Miguel dos Santos Rodrigues, de 7 anos, é até hoje lembrado pela comunidade de Imbé, no litoral do Rio Grande do Sul, onde vivia. Yasmin Vaz dos Santos Rodrigues, a mãe, e Bruna Nathiele Porto da Rosa, madrasta do menino, são suspeitas do assassinato. Elas teriam escondido o corpo no rio Tramandaí. Segundo as investigações, mãe e madrasta também torturavam a criança. As duas vão a júri popular, mas ainda não há previsão de data para o julgamento.

Últimas