Notícias Começa reunião da Anvisa para decidir sobre uso emergencial de vacinas no Brasil

Começa reunião da Anvisa para decidir sobre uso emergencial de vacinas no Brasil

Agência Estado

Começou na manhã deste domingo a reunião da diretoria colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), para decidir se permite ou não o uso emergencial da Coronavac e da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e a farmacêutica AstraZeneca. Os imunizantes serão distribuídos no Brasil, respectivamente, pelo Instituto Butantan e pela Fiocruz.

A expectativa é de que a reunião dure, no máximo, até as 15h. A diretoria colegiada da agência é formada por cinco membros, sendo um deles o presidente do órgão, o médico e contra-almirante Antonio Barra Torres. A decisão ocorre por maioria simples de votos. Ou seja, para ter o uso emergencial aprovado, são necessários três dos votos dos diretores.

Como sempre ocorre em outras discussões públicas da agência, a reunião está sendo transmitida pelos canais digitas da Anvisa e pela Empresa Brasileira de Comunicação (EBC), que administra a TV Brasil.

Últimas