Adolescente morre com tiro na cabeça ao manipular arma

Adolescente morre com tiro na cabeça ao manipular arma

Um adolescente morreu com um tiro na cabeça na última segunda-feira (4), em Marianópolis, município a 200 km de Palmas. De acordo com a Polícia Civil, um jovem de 17 anos disse que o grupo de adolescentes estava em uma casa e Bruno Almeida da Silva teria pedido para ver a arma, momento em que o tiro foi disparado.

Após a ação, a testemunha fugiu e tentou esconder a arma, mas se apresentou na delegacia ao lado da mãe horas depois. A polícia investiga se o grupo estaria brincando de roleta-russa ou se a vítima teria sido assassinada pelos colega.

O jovem chegou a ser socorrido ainda com vida e encaminhado ao hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A corporação informou que irá pedir à Justiça a internação do menor que se apresentou com a arma. O adolescente não quis dizer a quem a arma pertencer.

Saiba mais em Jornal de Brasília