Economia Aumente a restituição do Imposto de Renda de 2014 com planejamento

Aumente a restituição do Imposto de Renda de 2014 com planejamento

Contribuinte pode receber mais no próximo ano, se fizer doação ou previdência privada

  • Economia | Do R7

De acordo com a ACSP (Associação Comercial de SP), quem deixar para 2014 não terá a opção de escolher a entidade

De acordo com a ACSP (Associação Comercial de SP), quem deixar para 2014 não terá a opção de escolher a entidade

Itaci Batista/Estadão Conteúdo

A Receita Federal paga nesta segunda-feira (16) o último lote de restituição do IR (Imposto de Renda) deste ano. Os contribuintes que quiserem aumentar o valor a receber em 2014 devem se planejar.

De acordo com o diretor-executivo da Confirp Consultoria Contábil, Welinton Mota, é possível fazer isso por meio de ferramentas legais que fazem com que a restituição seja muito maior.

— Apesar de o ano estar chegando ao fim, ainda é possível aumentar os valores a serem recebidos, principalmente, com previdência privada e doações que podem ser abatidas. Mas é importante correr, pois, depois que acabar o ano nada mais pode ser feito.

Poupança da faculdade: economia a partir de R$ 152 por mês garante curso superior; veja como poupar

Para quem quer abater plano de previdência privada, é importante deixar claro que isso apenas poderá ocorrer quando é feito no modelo PGBL, em um limite de 12% do valor tributável total, antes de qualquer dedução.

Também é dedutível do IR para quem já contribui para os sistemas previdenciários oficiais, como trabalhador do setor privado, autônomo ou funcionário público.

Doações

Mota acrescenta que as doações podem ser uma forma de direcionar o dinheiro que o governo paga para ações que tragam benefícios para a comunidade, mas somente para quem faz a declaração completa do Imposto de Renda.

O limite de 6% do imposto de renda devido é para as destinações aos fundos de direitos da criança e do adolescente, as doações e os patrocínios para projetos enquadrados como incentivo a atividades culturais, artísticas e incentivos a atividades audiovisuais.

De acordo com a ACSP (Associação Comercial de SP), quem deixar para 2014 não terá a opção de escolher a entidade e só poderá destinar até 3% do IR devido à Receita Federal.

No portal www.leaoamigo.com.br, da ACSP, o contribuinte encontra instituições que cuidam de crianças e recebem doações de parte do IR de pessoas físicas. No site estão os dados de quase todos os Fumcad.

Quem for pessoa física deve acessar o site do Fumcad da cidade de sua preferência; escolher a entidade e o projeto; preencher um formulário e confirmar a doação. Será gerado um boleto bancário a ser pago — o valor será deduzido na declaração do IR e encaminhado para a entidade escolhida. Já as pessoas jurídicas devem procurar seus contadores.

Saúde e educação

Nos casos de despesas médicas, odontológicas, instruções, pensões alimentícias judiciais para garantir a restituição basta guardar adequadamente os documentos. É importante não passar informações nessas áreas que não estejam em conformidade com a realidade.

— O Fisco está fechando o cerco às informações irregulares a partir de evoluções tecnológicas e cruzamento de informações, tudo o que for declarado deve ser comprovado adequadamente.

Leia mais notícias sobre Economia

Últimas