Economia BC mantém Selic em 2% e diz que compromisso de não subir juros pode cair "em breve"

BC mantém Selic em 2% e diz que compromisso de não subir juros pode cair "em breve"

BACEN-SELIC-COPOM:BC mantém Selic em 2% e diz que compromisso de não subir juros pode cair "em breve"

Reuters - Economia

Por Marcela Ayres

BRASÍLIA (Reuters) - O Banco Central manteve nesta quarta-feira a Selic na mínima histórica de 2% ao ano, na terceira vez consecutiva que optou por deixá-la no mesmo nível, e destacou que, em função do quadro inflacionário, as condições para seu compromisso de não elevar os juros básicos podem em breve não estar mais satisfeitas.

Apesar disso, o BC destacou que uma alta da Selic não seria um processo mecânico.

"Desde a adoção do forward guidance, observou-se uma reversão da tendência de queda das expectativas de inflação em relação às metas para o horizonte relevante. Além disso, ao longo dos próximos meses, o ano-calendário de 2021 perderá relevância em detrimento ao de 2022, que está com projeções e expectativas de inflação em torno da meta", disse o BC, no comunicado do Comitê de Política Monetária (Copom).

"A manutenção desse cenário de convergência da inflação sugere que, em breve, as condições para a manutenção do forward guidance podem não mais ser satisfeitas, o que não implica mecanicamente uma elevação da taxa de juros pois a conjuntura econômica continua a prescrever estímulo extraordinariamente elevado frente às incertezas quanto à evolução da atividade", acrescentou.

Últimas