Economia BNDES diz ter discussões com Estados sobre privatização de distribuidoras de gás

BNDES diz ter discussões com Estados sobre privatização de distribuidoras de gás

Ao citar as diversas iniciativas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) nas discussões em torno da formação do novo mercado de gás no País, o presidente da instituição de fomento, Gustavo Montezano, disse nesta quinta-feira, 20, que o banco tem discussões com vários Estados sobre a privatização das companhias estaduais de distribuição de gás. A dinamização desse processo, porém, exige que se "repense" o modelo de concessão, segundo o executivo.

"O potencial de investimentos é grande, mas é preciso repensar os modelos de concessão", afirmou Montezano, em transmissão ao vivo pela internet durante a 21ª Conferência Anual do banco Santander.

Além do apoio à privatização das distribuidoras estaduais, o BNDES vem atuando no apoio técnico às discussões sobre mudanças nas leis no Congresso Nacional e no assessoramento técnico ao Ministério de Minas e Energia (MME) para desenhar um sistema de oferta da produção e demanda por parte de indústrias e geradores de energia.

O banco também poderá financiar investimentos, disse Montezano, tanto em infraestrutura - a construção de um gasoduto pode exigir em torno de R$ 10 bilhões, segundo o executivo - quanto na conversão de veículos, plataformas de abastecimento e fábricas para usarem gás natural.

Últimas