Economia Boeing recebe 1º grande compra de novos 737 Max após acidentes

Boeing recebe 1º grande compra de novos 737 Max após acidentes

Companhia aérea irlandesa Ryanair adquiriu 75 modelos da aeronaves em um negócio avaliado em mais de US$ 7 bilhões

Agência Estado - Economia
Até então, Boeing só havia feito vendas pontuais da aeronave

Até então, Boeing só havia feito vendas pontuais da aeronave

Gary He / EPA - EFE - 21.7.2019

A companhia aérea irlandesa Ryanair anunciou nesta quinta-feira (3) a compra de 75 aeronaves 737 Max da Boeing. A aquisição é um incentivo para a gigante da aviação americana que enfrenta dificuldades após a proibição das operações com o modelo. O negócio está avaliado em mais de US$ 7 bilhões.

O acordo representa um alívio para a fabricante com sede em Chicago, que perdeu centenas de pedidos do Max em meio à suspensão de quase dois anos, após dois acidentes na Etiópia e na Indonésia, deixarem 346 mortos.

Leia mais: Anac vai permitir que Boeing 737-MAX volte a voar no Brasil

No mês passado, os Estados Unidos aprovaram o Max para voos de passageiros novamente, emitindo um conjunto de diretrizes de segurança e avisos para companhias aéreas em todo o mundo.

Até novembro, as companhias aéreas e as empresas de leasing de aeronaves cancelaram cerca de 10% dos pedidos do Max pendentes da Boeing neste ano.

A Boeing disse acreditar que centenas de outros de seus mais de 4.000 pedidos restantes podem estar em risco por causa da saúde financeira de alguns clientes. Antes da venda para a Ryanair, a Boeing só havia feito comercializações pontuais do Max.]

Últimas