Economia Bolsonaro diz que vai sobrevoar áreas afetadas por ‘ciclone bomba’

Bolsonaro diz que vai sobrevoar áreas afetadas por ‘ciclone bomba’

Presidente disse que vai convocar deputados e senadores de Santa Catarina para o acompanharem no próximo sábado (4)

  • Economia | Do R7

"Estaremos à disposição dos Estados", disse Bolsonaro

"Estaremos à disposição dos Estados", disse Bolsonaro

Reprodução/Facebook

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (2) que vai sobrevoar ao lado de deputados senadores de Santa Catarina as áreas atingidas pelo ciclone bomba que passou pelo Estado na última terça-feira (30), causando ao menos 10 mortes.

"Vamos convidar alguns parlamentares para ter um conhecimento melhor do que foi esse estrago", disse Bolsonaro sobre a viagem prevista para acontecer na manhã do próximo sábado (4). "Estaremos à disposição para reconstruir parte da destruição", completou o presidente durante sua live semanal no Facebook.

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, disse que o governo entrou em contrato com os governadores dos três Estados da região sul do País e encaminhou o secretário de defesa civil para atender Santa Catarina. “Ele vai orientar as prefeituras sobre como preencherem a papelada para requisitar recursos”, destacou Marinho.

Fake news

Ao comentar a respeito da aprovação do projeto de lei das fake news aprovado pelo Senado, Bolsonaro disse que tem o direito de veto à proposta. Ele afirmou que será contra o texto caso apresente cerceamento da liberdade de expressão nas redes sociais. "Se o projeto chegar bom, a gente sanciona. Se chegar como se apresentou até o momento, não há como não vetar", disse Bolsonaro.

O presidente disse ver dificuldade para a aprovação do texto atual entre os deputados. "Sou extremamente favorável à liberdade total da mídia, inclusive dessas tradicionais que vivem dando pancada em mim. Estão batendo tanto e eu só estou crescendo", afirmou durante a live.

Bolsonaro ressaltou ainda que “não pode se render ao politicamente correto” e revelou receber diversos memes conta ele próprio. “Faz parte do folclore. Tem piadas comigo com as quais eu morro de rir. Me comparam com um monte de gente”, contou.

Últimas