Economia Bolsonaro quer mais engarrafadoras para reduzir preço do gás de cozinha

Bolsonaro quer mais engarrafadoras para reduzir preço do gás de cozinha

Presidente avalia que com poucas dessas empresas no país, o custo de transporte faz aumentar o preço do tradicional GLP

  • Economia | Da Agência Brasil

Preço médio do botijão beira os R$ 70

Preço médio do botijão beira os R$ 70

Dirceu Portugal/Fotoarena/Folhapress

O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta sexta-feira (10) que sejam feitos estudos, com urgência, para analisar a possibilidade de ampliação do número de empresas especializadas em encher botijões de gás, as chamadas engarrafadoras.

Segundo o presidente, com poucas dessas empresas no país, o custo de transporte faz aumentar o preço do produto.

"No Brasil existem poucas engarrafadoras. O botijão 'anda' centenas de quilômetros para ser enchido e, depois, mais uma centena até o consumidor", escreveu o presidente em um publicação na sua conta oficial no Twitter.

Leia mais: Alta do gás encanado faz consumidores migrarem para o GLP

"Com dezenas de centrais nos estados e mais empresas, essa verdadeira viagem do botijão deixaria de existir, teríamos mais competição e o preço cairia", acrescentou Bolsonaro.

O presidente está desde ontem (9) em uma unidade militar no Guarujá, litoral de São Paulo, onde permanecerá até a próxima terça-feira (14), para completar seu período de descanso. Na semana passada, antes do Réveillon, ele antecipou o retorno a Brasília após ficar quatro dias na Bahia, onde pretendia passar o feriado de ano-novo descansando na base naval de Aratu, no subúrbio de Salvador.

O último reajuste do GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), conhecido como gás de cozinha, foi feito em dezembro pela Petrobras, e, com isso, o produto ficou, em média, 5% mais caro para as distribuidoras.

O valor final do gás para o consumidor depende do repasse feito pelas distribuidoras, mas, segundo a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), o preço médio do botijão de 13 quilos era de R$ 69,11 em novembro do ano passado.

Últimas