Caixa Seguridade decide suspender IPO pelo menos até julho, dizem fontes

SÃO PAULO (Reuters) - A Caixa Seguridade, braço de seguros e previdência da Caixa Econômica Federal, decidiu suspender o processo de sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) pelo menos até julho, devido à forte turbulência recente das bolsas de valores, disseram à Reuters duas fontes a par do assunto.

"Agora não dá mais pra fazer, vai atrasar pelo menos três a seis meses", disse uma das fontes, sob condição de anonimato, porque o assunto é sigiloso. A previsão inicial era de que o IPO fosse concluído em abril.

None

(Por Aluísio Alves e Carolina Mandl)