Carga de energia do sistema interligado do Brasil avança 2,4% em setembro, diz ONS

SÃO PAULO (Reuters) - A carga de energia do sistema elétrico interligado do Brasil avançou 2,4% em setembro na comparação com igual período do ano anterior, informou nesta terça-feira o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

O maior número de dias úteis neste ano e as temperaturas superiores às registradas em setembro de 2018 contribuíram para a alta, afirmou o ONS em boletim.

A taxa de crescimento foi a maior desde março de 2019, à exceção do desempenho em maio, quando houve grande avanço na comparação anual devido aos efeitos de uma greve dos caminhoneiros sobre a demanda no mesmo mês do ano passado.

Em termos ajustados, excluindo fatores fortuitos e não econômicos, a carga registrou uma alta de 1,1% no mês, ainda em comparação anual, segundo o ONS.

Entre os subsistemas que compõem o sistema elétrico, o maior avanço foi verificado no Norte, com variação positiva de 5%, enquanto o Nordeste foi o único a registrar queda, de 1,4%.

Na comparação com agosto, a carga do sistema interligado teve expansão de 4,3%.

None

(Por Gabriel Araujo)