Chamada pública do Gasbol recebe interesse de 15 participantes, diz ANP

A chamada pública para compra de capacidade no Gasoduto Bolívia-Brasil (Gasbol) atraiu 15 participantes, que solicitaram de 38,7 milhões de metros cúbicos/dia de capacidade de entrada a 29,5 milhões de metros cúbicos/dia de capacidade de saída, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), que vai conduzir o processo previsto para julho deste ano.

"O resultado da etapa preliminar da Chamada Pública Incremental 2020 para o gasoduto da TBG, encerrada em 15/01/2020, confirmou as expectativas promissoras do Novo Mercado de Gás", disse a ANP em nota nesta sexta-feira, 17.

Nesta etapa, informou a agência, os carregadores interessados enviaram formulários com solicitações não vinculantes para ampliação de pontos de entrada ou saída no atual Sistema de Transporte e/ou apresentaram demanda por novos pontos no Gasbol.

Segundo a ANP, a solicitação de capacidade incremental foi realizada por empresas de diferentes áreas de atuação (companhias distribuidoras, indústrias, fornecedores de gás, comercializadoras e empreendimentos do setor termelétrico).