Cia Hering tem queda de vendas no 4º tri

SÃO PAULO (Reuters) - A Cia Hering divulgou nesta segunda-feira queda de 5,2% no faturamento bruto do quarto trimestre sobre o mesmo período de 2018, a 502,9 milhões de reais, impactada por "ressaca" acima da esperada nas vendas após a Black Friday.

A companhia que vinha registrando alta nas vendas mesmas lojas nos últimos sete trimestres, teve queda de 4% no quesito nos três últimos meses do ano passado.

"O quarto trimestre foi marcado por desempenho positivo das vendas em outubro e novembro...Esta performance positiva influenciou o desempenho aquém do esperado no mês de dezembro", afirmou a Cia Hering em relatório operacional.

"A ressaca de vendas após a Black Friday já era esperada em razão da antecipação de parte das compras, entretanto este movimento se estendeu mesmo após a segunda quinzena de dezembro", afirmou a empresa, citando que 60% das vendas do quarto trimestre costumam ocorrer em dezembro.

As vendas da marca Hering recuaram 5% no período, para 382,5 milhões de reais, enquanto o faturamento da PUC caiu 32,7%. Hering Kids e Dzarm tiveram crescimentos de 0,7% e 7,1%.

As vendas de lojas próprias da empresa recuaram 1,9% no período, "apesar de aumento de fluxo nas lojas". Já as vendas para franquias recuaram 5,2%, com fechamento líquido de 13 lojas nos últimos 12 meses. No canal multimarcas, a queda nas vendas foi de 13% "devido ao menor número de clientes".

None

(Por Alberto Alerigi Jr.)