Como enfrentar as contas de início de ano de acordo com o seu perfil financeiro

Veja melhor estratégia se você está endividado, desempregado ou com as contas em dia

Como enfrentar as contas de início de ano de acordo com o seu perfil financeiro

Como enfrentar as contas de início de ano de acordo com o seu perfil financeiro

Como enfrentar as contas de início de ano de acordo com o seu perfil financeiro

Getty Images

Com o agravamento da crise financeira no País, fechamos o ano de 2016 com 60 milhões de brasileiros com dívidas em atraso e 12 milhões de desempregados. Nesse cenário, as contas de início de ano das famílias (IPTU, IPVA, material escolar e rematrículas) que não deixam de chegar, podem causar um estrago nos orçamentos se não forem tratadas com estratégia.

Ouvimos os especialistas financeiros Reinaldo Domingos, doutor em educação financeira e presidente da Abefin (Associação Brasileira de Educadores Financeiros) e Rodrigo Bussab, coach financeiro e montamos um guia de como pagar as contas sem comprometer a gestão e de acordo com a situação financeira de cada um.

Importante lembrar que quase todos os brasileiros podem ser tecnicamente considerados endividados já que financiamentos de carro e casa, um boleto a vencer ou uma compra no cartão de crédito já são dívidas. Ter dívidas não é um problema, mas se não houver capacidade de honrar esses compromissos, se houver inadimplência, é preciso tomar algumas atitudes.