Confiança na economia e no governo cresce entre empresários

Segundo a pesquisa de Confiança dos Supermercados do Estado de São Paulo, 78% dos supermercadistas estão otimistas com as expectativas futuras

Dezembro corresponde a 24% das vendas anuais

Dezembro corresponde a 24% das vendas anuais

Tânia Rêgo / Agência Brasil

De acordo com a pesquisa de Confiança dos Supermercados do Estado de São Paulo, o percentual de supermercadistas com confiança na economia e no governo subiu de 35% para 39%. O pessimismo caiu de 20% em outubro para 14% em novembro.

Leia mais: Consumidores devem gastar, em média, R$ 1.132 na Black Friday

O mês de dezembro é o responsável por 24% das vendas anuais, isso porque somam-se os resultados da Black Friday e do Natal.

Para 78% dos empresários, a expectativa futura de vendas setor de supermercados é otimista. “Os supermercadistas estão confiantes que em 2020, o setor terá um crescimento superior ao 1% que devemos fechar 2019. Para 56%, a taxa de juros deverá continuar em queda ao longo do ano”, explica o economista da APAS (Associação Paulista de Supermercados), Thiago Berka. O índice tem crescido desde junho, com a liberação do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

Parte da expectativa é justificada pelas reformas tributária e administrativas propostas pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.