Imposto de Renda 2019
Economia Declaração de IR terá CPF de todos os dependentes, incluindo bebês

Declaração de IR terá CPF de todos os dependentes, incluindo bebês

Receita Federal começa a receber declarações no dia 7 de março, mas programa será disponibilizado para download no próximo dia 25

Declaração de IR terá CPF de todos os dependentes, até bebês

Download do programa será liberado no dia 25

Download do programa será liberado no dia 25

Adriana Toffetti /A7 Press/Folhapress

Uma novidade da declaração de ajuste anual do Imposto de Renda 2019, relativa a 2018, é que o contribuinte precisará informar o CPF de todos os dependentes, incluindo bebês nascidos em 2018. Na declaração do ano passado, só eram obrigatórios os dependentes para maiores de 8 anos.

Até 2017, era obrigatório informar o CPF dos dependentes maiores de 12 anos. 

Por isso, quem tem dependentes que ainda não têm o cadastro de pessoa física deve providenciar o documento o quanto antes. A Receita Federal divulgou nesta sexta-feira (22) o calendário de entrega da declaração de ajuste anual do IR 2019.

Em função do carnaval, o prazo de entrega só começa em 7 de março. Nos anos anteriores o prazo começava em 1º de março. A data do fim do prazo, no entanto, não foi alterado: será 30 de abril, o que signfica que neste ano a temporada de entrega será uma semana menor. 

A Receita, no entanto, vai disponibilziar o programa e aplicativos do IR 2019 para download a partir de segunda-feira (25). Haverá apps para Android e iOS, além das versões para computadores. 

A declaração é obrigatória para os contribuintes que receberam a soma superior a R$ 28.559,70 em rendimentos tributáveis durante o ano de 2018. Também são obrigados a apresentar a declaração os contribuintes que receberam rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte superiores a soma de R$ 40 mil, além de contribuintes que tiveram ganho de capital em qualquer mês na venda de bens sujeitos a imposto ou que tenham operado na Bolsa de Valores.