Economia Dólar interrompe sequência de altas e cai a R$ 5,41 nesta terça-feira

Dólar interrompe sequência de altas e cai a R$ 5,41 nesta terça-feira

Queda de 0,9% da moeda norte-americana ocorreu em dia de ajuste e incertezas nos mercados emergentes

Reuters
Dólar oscilou entre R$ 5,37 e R$ 5,48 na sessão

Dólar oscilou entre R$ 5,37 e R$ 5,48 na sessão

Gary Cameron/Reuters

O dólar caiu 0,9% ante o real nesta terça-feira (11), com a moeda brasileira seguindo correção vista em outras divisas emergentes que recentemente sofreram expressivas quedas, mas se afastou das mínimas da sessão em meio a incertezas sobre o pacote fiscal nos Estados Unidos.

No fechamento da sessão, a moeda norte-americana era negociada com queda de 0,91%, a R$ 5,4149. Ao longo do dia a divisa chegou a cair 1,69% (R$ 5,3723), durante o meio da tarde. Na máxima, alcançada pela manhã, a moeda subiu 0,33% (R$ 5,4830).

O real esteve entre as moedas de melhor desempenho da sessão, junto com peso chileno, peso colombiano, rand sul-africano e lira turca — divisas que, acompanhadas da brasileira, sofreram as maiores liquidações nos últimos pregões.

Para os próximos meses, alguns analistas veem chances de um dólar mais baixo. O Banco MUFG Brasil vê a cotação em R$ 5,10 ao fim de 2020, citando melhora do ambiente político e retorno de debate sobre reformas.

"A reforma tributária é muito complexa e levará vários meses de discussão, mas o importante é que o Congresso ainda está propenso a avançar a agenda econômica após a crise da covid-19 e de várias tensões com o Executivo", disse o banco em relatório.

Últimas