Caixa libera consulta a saque emergencial do FGTS na segunda

Valores começam a ser creditados em contas digitais criadas pelo banco no dia 29 de junho deste ano e seguirá calendário com o mês de nascimento

Trabalhador poderá sacar mais uma parte da sua conta ativa ou inativa do FGTS

Trabalhador poderá sacar mais uma parte da sua conta ativa ou inativa do FGTS

CAIO ROCHA/FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

A Caixa Econômica Federal confirmou, neste sábado (13), a liberação da consulta do saque emergencial do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), de até R$ 1.045 por trabalhador, na próxima segunda (15), para quem tem conta ativa (do emprego atual) ou inativa (de empregos anteriores) no Fundo.

Leia mais: Auxílio: receber uma parcela não é garantia de receber outras; entenda

O novo saque estava previsto na Medida Provisória nº 946, publicada no dia 17 de abril. A medida é mais uma tentativa do governo para minimizar o impacto do novo coronavírus na vida financeira da população.

Os trabalhadores também poderão consultar o valor do saque emergencial disponível e a data em que o valor será creditado na poupança digital pelo site oficial, pelo número de telefone 111.

Leia mais: Auxílio x seguro-desemprego: quem tem direito a receber os R$ 600?

O anúncio foi feito por Pedro Guimarães, presidente da instituição, em transmissão ao vivo pelos perfis da Caixa no YouTube e no Facebook.

O valor do saque dependerá do saldo que o trabalhador tiver na sua conta do FGTS no momento.

A partir do dia 19 de junho, os trabalhadores vão poder utilizar o app FGTS para consultar o valor ao saque, ver a data que será creditado, optar por não fazer o saque e solicitar o desfazimento após o crédito automático.

Leia também: Auxílio negado e sem dinheiro para advogado? Veja onde pedir ajuda

O saque será 100% digital em contas abertas na Caixa. A expectativa é de que 55 milhões de conta estão previstas para serem abertas.

Inicialmente, a expectativa era de que o dinheiro do FGTS estaria disponível para saque a partir de segunda-feira. Guimarães ressaltou, no entanto, que essa informação nunca foi confirmada pela caixa. 

"Em nenhum momento havia a ideia de se pagar 60 milhões de pessoas em um único dia. É uma questão operacional porque atualmente oito em cada 10 brasileiros estão recebendo algum benefício neste momento", disse Guimarães.

Leia mais: Como sobreviver com o auxílio emergencial de R$ 600?

Dinheiro começa a ser depositado dia 29 de junho

Os valores começam a ser depositados nas contas digitais no dia 29 de junho para os trabalhadores nascidos em janeiro. O calendário será de acordo com o mês de nascimento dos brasileiros. 

Na primeira fase de pagamentos, que começa no dia 29 de junho, os valores ficam disponíveis apenas para crédito em conta digital. Já o calendário de saques e transferências começa quase um mês depois, em 25 de julho. 

Leia mais: Veja 20 perguntas e respostas sobre o auxílio emergencial

Segundo Guimarães, a expectativa é de que sejam disponibilizados R$ 37,8 bilhões em saques do FGTS para 60 milhões de brasileiros.  

“A cada semana realizaremos o crédito na conta digital aberta pela Caixa. Sempre às segundas-feiras, com exceção do dia 8 de setembro, porque dia 7 é feriado. Teremos, a partir do dia 29, pelas próximas 12 semanas a cada segunda-feira, 5 milhões de brasileiros recebendo esse depósito e terão o saque sendo permitido a partir de cada sábado”, destacou Guimarães

Calendário do saque emergencial do FGTS

Veja as datas para crédito em conta poupança digital:

Nascidos em janeiro: 29 de junho
Nascidos em fevereiro: 6 de julho
Nascidos em março: 13 de julho
Nascidos em abril: 20 de julho
Nascidos em maio: 27 de julho
Nascidos em junho: 3 de agosto
Nascidos em julho: 10 de agosto
Nascidos em agosto: 24 de agosto
Nascidos em setembro: 31 de agosto
Nascidos em outubro: 8 de setembro
Nascidos em novembro: 14 de setembro
Nascidos em dezembro: 21 de setembro

Veja as datas que o dinheiro estará disponível para saque e transferência:

Nascidos em janeiro: 25 de julho
Nascidos em fevereiro: 8 de agosto
Nascidos em março: 22 de agosto
Nascidos em abril: 5 de setembro
Nascidos em maio: 19 de setembro
Nascidos em junho: 3 de outubro
Nascidos em julho: 17 de outubro
Nascidos em agosto: 17 de outubro
Nascidos em setembro: 31 de outubro
Nascidos em outubro: 31 de outubro
Nascidos em novembro: 14 de novembro
Nascidos em dezembro: 14 de novembro

O trabalhador que não deseja realizar o saque deve informar pelo aplicativo do FGTS com pelo menos 10 dias de antecedência da data prevista do crédito.

Leia mais: Como gerar renda no isolamento social e manter as contas em dia?

Guimarães também falou sobre novo lote de pagamentos da primeira parcela do auxílio emergencial.

Novos aprovados do auxílio emergencial

A Caixa também divulgou o calendário de pagamento da primeira parcela do auxílio emergencial para mais 4,9 milhões de novos aprovados do benefício.

O pagamento será feito na próxima terça-feira (16) e quarta-feira (17).  No total, serão disponibilizados mais R$ 3,2 bilhões.

Leia mais: Como fazer o cadastro para o auxílio emergencial nos Correios

Nesta etapa de pagamentos da primeira parcela do auxílio emergencial, os beneficiários nascidos de janeiro a junho poderão movimentar digitalmente os valores pelo Caixa Tem a partir da terça-feira (16) e os nascidos de julho a dezembro, a partir da quarta-feira (17).