Investir em ações da Petrobras é um bom negócio no momento?

Queda do dólar e decisão da Opep de manter preço do barril do petróleo até julho devem ajudar papeis a recuperarem valorização do período pré-crise

Retomada demandará mais gasolina e derivados e valorizá ações da Petrobras

Retomada demandará mais gasolina e derivados e valorizá ações da Petrobras

Geraldo Falcão/Agência Petrobrás/Divulgação

As ações da Petrobras estão voltando a ganhar força na Bolsa de Valores com a queda do dólar e a decisão da Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo), no sábado (6), de manter o preço do barril do petróleo até julho.

Leia mais: Conheça 3 investimentos que podem complementar o salário

Na terça-feira (9) as ações da companhia PETR3 e PETR4 fecharam, respectivamente, a R$ 22,69 e R$ 21,72 com baixa de 0,66 e 0,81.

Diante deste cenário, os papeis da companhia voltaram a ser uma boa opção de investimento? Especialistas ouvidos pelo R7 acreditam que sim.

Leia também: Como investir os primeiros R$ 100 na Bolsa de Valores

Arte R7

Por que dólar e Opep influenciam nas ações?

A decisão da Opep reduz a desvalorização dos papeis da companhia, que vinham caindo devido ao excesso de produção dos Emirados Árabes e da Rússia e da baixa demanda mundial devido à pandemia do coronavírus, segundo Miguel de Oliveira, diretor executivo da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças).

“Com a economia andando de lado, a demanda pelo petróleo foi diminuindo e impactando no preço do barril. A decisão da Opep serviu para reduzir essa desvalorização e, consequentemente, as perdas da Petrobras.”
Miguel de Oliveira

Ele acredita que a queda do dólar também vem dando um respiro para a companhia, que tem dívidas calculadas pela moeda norte-americana.

Leia mais: Posso aplicar a reserva de emergência no Tesouro Selic?

Retomada gera demanda por gasolina e derivados

Fábio Galdino, head de renda variável da Vero Investimentos, diz que a postergação da Opep é uma percepção da melhora da economia no mundo.

“A retomada econômica vai aumentar a demanda por gasolina e derivados porque a população voltará a utilizar mais transporte público, aviação, veículos, calefação, entre outros itens, e o consumo voltará a ser igual ou superior ao período que antecedeu a pandemia, valorizando a Petrobras.”
Fábio Galdino

Galdino afirma que por essa análise positiva da retomada econômica é que a Vero Investimentos vem sugerindo a compra ou manutenção das ações da Petrobras na carteira dos clientes.

Leia também: Aposentadoria: qual é a melhor aplicação para investir no futuro?

“Os papeis da Petrobras ainda não corrigiram todo o patamar da Bolsa e estão defasados em relação ao período pré pandemia.”

Para Oliveira, da Anefac, as ações da Petrobras são atrativas para o investidor que pensa em um investimento em longo prazo.

“Passada a pandemia, a quarentena em diversos lugares, as vacinas que eventualmente surgirão, a tendência é de uma retomada econômica motivada com o aumento do consumo, emprego entre outros. Por ser um cenário mais de médio a longo prazo, quem pensa em um investimento para esse período, pode ser uma opção.”

Leia mais: Você sabia que pode autossabotar seu orçamento? Como identificar?

Oliveira orienta, no entanto, que em momentos de crise é mais importante preservar o patrimônio do que ter rentabilidade em um investimento.

“Estamos enfrentando uma crise muito grande e, neste período, mais importante do que ganhar dinheiro é tentar preservar o patrimônio ao máximo. Mesmo que isso implique em baixa rentabilidade.”