Exportação de soja do Brasil pode atingir recorde histórico em março, diz Anec

SÃO PAULO (Reuters) - A exportação de soja do Brasil em março pode atingir recorde histórico para todos os meses caso se confirmem os volumes de embarques previstos para o período entre os dias 29 e 31, disse nesta terça-feira o assistente-executivo da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), Lucas de Brito.

No acumulado de março até o dia 28, as exportações de soja do Brasil somaram 11,5 milhões de toneladas, segundo dados da Anec divulgados nesta terça-feira.

De acordo com Brito, o resultado de março vem após atrasos nas exportações de fevereiro por chuvas, o que fez com que muitos embarques fossem transferidos para este mês.

Além disso, em março o setor pôde contar com um maior volume de soja, uma vez que a colheita começou tardiamente em 2020.

"Se acontecer o programado, se forem realizados os embarques... ou vai passar ou ficar muito próximo do recorde", disse ele, à Reuters.

Com base em programações de portos, a entidade projetava embarques de mais 1,6 milhão de toneladas nos três últimos dias do mês, o que levaria o total a 13,1 milhões de toneladas exportadas em março.

O recorde mensal da exportação de soja do Brasil é de aproximadamente 12 milhões de toneladas.

None

(Por Roberto Samora)