Economia Governo confirma inclusão dos Correios em plano de privatização

Governo confirma inclusão dos Correios em plano de privatização

Inclusão da estatal no Plano de Desestatização foi aprovava pelo Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos

  • Economia | Do R7

Privatização dos Correios ainda deve passar pelo BNDES e TCU

Privatização dos Correios ainda deve passar pelo BNDES e TCU

Elza Fiúza/Agência Brasil - Arquivo

O presidente Jair Bolsonaro confirmou a inclusão da ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos) no Programa Nacional de Desestatização.

A decisão, anunciada em março pelo CCPI (Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos), foi formalizada nesta quarta-feira (14) no DOU (Diário Oficial da União).

O processo de desestatização inclui, ainda, a análise pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e a participação da sociedade e do mercado por meio de audiências públicas.

Por fim, os estudos e o edital serão remetidos para o TCU (Tribunal de Contas da União) para avaliação. Após a aprovação pelo órgão de controle, o edital para a realização do certame poderá ser publicado.

“A desestatização dos Correios é necessária para que a empresa receba os investimentos que o setor demanda, alcance mais mercados, seja modernizada e contribua para a geração de mais empregos e renda para o país”, destaca a secretária especial do PPI (Programa de Parcerias de Investimentos), Martha Seillier.

Últimas