Economia Ibovespa sobe 1,5% e flerta com 118 mil pontos pela 1ª vez desde janeiro

Ibovespa sobe 1,5% e flerta com 118 mil pontos pela 1ª vez desde janeiro

Índice de referência do mercado acionário brasileiro encostou em sua máxima histórica guiado pelas ações mais negociadas

Reuters
Ibovespa agora acumula ganho de quase 2% em 2020

Ibovespa agora acumula ganho de quase 2% em 2020

Paulo Whitaker/Reuters - 24.6.2019

O Ibovespa fechou em alta nesta quarta-feira (16), superando os 118 mil pontos pela primeira vez desde janeiro no melhor momento e encostando na máxima histórica, com fluxo externo e avanço das ações mais negociadas ajudando consolidar o sinal positivo em 2020.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa subiu 1,47%, aos 117.857,35 pontos, maior patamar de fechamento desde 24 de janeiro, segundo dados preliminares, tendo alcançado 118.178,44 pontos na máxima do dia.

A pontuação recorde de fechamento do Ibovespa é de 23 de janeiro, quando terminou a 119.527,63 pontos. A máxima intradia é do dia 24, quando chegou a 119.593,10 pontos, mas fechou a 118.376,36 pontos. Agora, no ano, o Ibovespa acumula acréscimo de quase 2%.

De pano de fundo, o Federal Reserve prometeu continuar injetando recursos nos mercados financeiros de forma contínua contra a recessão, enquanto, no Brasil, o destaque ficou com a aprovação da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para 2021.

Últimas