Inflação

Economia Inflação na cidade de SP desacelera alta a 0,47% em junho

Inflação na cidade de SP desacelera alta a 0,47% em junho

O grupo habitação foi o que exerceu o maior peso na alta dos preços da capital paulista

Reuters
O IPC-Fipe mede as variações quadrissemanais dos preços às famílias paulistanas com renda mensal entre 1 e 10 salários mínimos

O IPC-Fipe mede as variações quadrissemanais dos preços às famílias paulistanas com renda mensal entre 1 e 10 salários mínimos

Embratur

A inflação da cidade de São Paulo, medida pelo IPC (Índice de Preços ao Consumidor), terminou junho com avanço de 0,47%, após subir 0,62% no mês anterior, informou nesta quinta-feira (2) a Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

O resultado ficou abaixo da expectativa em pesquisa da Reuters de alta de 0,51%, na mediana das projeções.

O grupo habitação foi o que exerceu o maior peso sobre o IPC-Fipe de junho, com 0,1890 ponto percentual, embora tenha desacelerado a alta a 0,61%, em relação aos 0,74% em maio.

Também destacou-se o grupo alimentação, com alta de 0,58%, em junho após 0,88% no mês anterior, o que representou um impacto no mês passado de 0,1338 ponto percentual.

O IPC-Fipe mede as variações quadrissemanais dos preços às famílias paulistanas com renda mensal entre 1 e 10 salários mínimos.

Últimas